BLOG CONTEÚDO



Febre na criança: o que fazer?

Febre é um dos principais motivos de preocupação para os pais, mas será que toda febre é grave? Ou ainda, será que toda febre deve ser medicada?

No Brasil, a forma mais comum de aferir a temperatura é axilar, e consideramos febre uma temperatura acima de 37,8C, sendo febre alta apenas acima de 39C. “Estado febril” ou subfebril, ocorre quando a criança está com temperatura entre 37,3 e 37,8C.

Nem toda febre precisa ser medicada, e nem toda febre é grave! Se nosso corpo aumenta a temperatura em determinadas situações, deve haver um motivo importante para tal! Muitos pais administram antitérmico à criança quando a criança está”quentinha” ou sem nem mesmo medir a temperatura, porque estão preocupados com a criança manter uma temperatura “normal”.

A febre, entretanto, não é a doença em si, na qual precisamos combater, mas um mecanismo fisiológico do nosso corpo que tem efeitos benéficos em lutar contra a infecção. A febre aumenta o metabolismo do nosso corpo e, dessa forma, deixa o corpo em “estado de alerta” para infecções. Sob esse ponto de vista, a febre é um bom sinal! Por outro lado a criança com febre pode ficar mais “amuadinha”, não se alimentar direito, nem aceitar líquidos, o que pode predispor à desidratação e até dessa forma dificultar a recuperação da criança.

Vamos entender um pouco como a febre funciona:

A febre é um mecanismo fisiológico do nosso corpo que ajuda a combater a infecção. A febre retarda o crescimento e reprodução de vírus e bactérias, aumenta a produção de neutrófilos e linfócitos T, células importantes no nosso sistema de defesa contra infecções.

O valor da febre tem relação com a gravidade da doença?

Não! A maioria das febres tem uma duração curta e são benignas, dificilmente chegam a temperaturas acima de 39C, e protegem o nosso corpo! A temperatura também não tem relação com a doença ser viral ou bacteriana. Alguns estudos mostram que a febre ajuda o nosso corpo a recuperar mais rapidamente de infecções virais, embora possam causar desconforto na criança.

Quais seriam algumas vantagens em se medicar para febre?

Alguns benefícios incluem alívio do desconforto que ela causa, diminuição da perda de água causada pelo aumento da temperatura corporal, o que diminui a chance de desidratação.

E os riscos de se medicar para febre?

O uso de antitérmico de horário, por exemplo, pode “mascarar” a doença, levando ao atraso do seu diagnóstico e tratamento correto. Além disso, deve-se tomar cuidado com as doses da medicação, e sua administração correta.

O que fazer então quando a criança está com febre???

O mais importante na avaliação da criança febril é: aprenda a observar! Avalie os sinais da criança, mais do que buscar uma temperatura “normal”! O principal objetivo ao tratar uma criança febril é melhorar o conforto. Crianças febris apresentam-se mais “caidinhas” e sonolentas, além de diminuírem a ingesta de água. Além disso, a febre pode dificultar o julgamento médico do estado da criança, por isso é importante avaliar a criança sem febre, sempre que possível.

Mantenha a criança hidratada e esteja atento aos sinais e gravidade!

O uso de antitérmicos

Nesse caso, o uso de antitérmicos se justifica para além da função e baixar a temperatura, mas também o seu efeito analgésico, ou seja, diminuir a dor! O antitérmico deve ser usado com o intuito de melhorar o conforto, diminuir a irritabilidade e prostração e melhorar a aceitação de alimentos. Ao baixar a temperatura, torna-se mais confiável para o médico avaliar o quadro clínico da criança.

É bom saber…

Medidas para diminuir a temperatura, como banhos com água morna, ou compressas mornas podem diminuir a temperatura sem necessariamente melhorar o conforto.

O uso de álcool no banho NÃO é recomendado, pois pode haver absorção do álcool pelo corpo.

A febre por si só é preocupante? 

Existe uma preocupação dos pais, médicos e enfermeiros sobre o potencial risco que a febre causa, chamado “febrefobia”. A maior preocupação identificada é que a febre alta, se não tratada, está associada a crises convulsivas, danos cerebral e morte. Isso é mito! 

Não existe nenhuma evidência de que reduzir a febre reduz a morbidade e mortalidade da doença, em outras palavras, ela NÃO piora o curso da doença, nem causa complicações neurológicas a longo prazo.  Uma possível exceção são crianças com doenças crônicas que podem resultar em alterações metabólicas e crianças criticamente doentes (em ambiente de UTI, por exemplo),  pois elas podem não tolerar o aumento do metabolismo que a febre causa.

Não há evidência que o uso de antitérmico reduz a ocorrência de convulsão febril. 

Não existe recomendação de se medicar com antitérmico antes da administração de vacinas, para diminuir o desconforto associado à injeção ou minimizar a ocorrência de febre. Tal medida pode até reduzir a resposta vacinal, e portanto, não se deve fazer de rotina!

MENSAGENS CHAVE: 

A redução de temperatura, por si só, NÃO deve ser o objetivo principal da terapia com antitérmico, mas sim o conforto do paciente! 

Os pais devem observar a criança febril, avaliar possíveis sinais de gravidade e aumentar a ingesta hídrica, além do fazer o uso correto de antitérmicos!

O médico deve buscar tratar a causa da febre, realizar o diagnóstico correto quando possível e avaliar sinais de gravidade. 

POSTS RECENTES

14 Março 07 Março 28 Fevereiro 21 Fevereiro 14 Fevereiro 11 Fevereiro 07 Fevereiro 31 Janeiro 28 Janeiro 24 Janeiro 17 Janeiro 10 Janeiro 03 Janeiro 27 Dezembro 20 Dezembro 13 Dezembro 06 Dezembro 29 Novembro 22 Novembro 15 Novembro 08 Novembro 25 Outubro 18 Outubro 11 Outubro 04 Outubro 27 Setembro 18 Setembro 06 Setembro 30 Agosto 23 Agosto 16 Agosto 09 Agosto 02 Agosto 30 Julho 26 Julho 19 Julho 12 Julho 05 Julho 28 Junho 21 Junho 14 Junho 07 Junho 31 Maio 24 Maio 17 Maio 10 Maio 03 Maio 26 Abril 19 Abril 12 Abril 05 Abril 03 Abril 27 Março 20 Março 19 Março 13 Março 06 Março 27 Fevereiro 22 Fevereiro 20 Fevereiro 13 Fevereiro 06 Fevereiro 30 Janeiro 23Jan 16Jan 09Jan 02Jan 26Dez 19Dez 12Dez 05Dez 28Nov 21Nov 14Nov 07Nov 31Out 24Out 17Out 10Out 03Out 26Set 19Set 29Ago 24Ago 22Ago 15Ago 08Ago 01Ago 25Jul 18Jul 11Jul 29Jun 22Jun 15Jun 06Jun 30Mai 23Mai 16Mai 09Mai 02Mai 25 Abr 18 Abr 11Abr 04 Abr 28 Mar 16 Mar 09 Mar 02 Mar 23 Fev 23 Fev 16 Fev 10 Fev 08 Fev 02 Fev 31 Jan 24 Jan 20 Jan 17 Jan 13 Jan 03 Jan 27 Dez 21 Dez 19 Dez 16 Dez 13 Dez 07 Dez 28 Nov 23 Nov 21 Nov 08 Nov 04 Nov 31 Out 27 Out 24 Out 20 Out 17 Out 11 Set 05 Set 30 Set 26 Set 19 S 14 Set 12 Set 05 Set 02 Setembro 03 Agos29 26 Agosto 24 Agosto 22 Agosto 19 Agosto 17 Agosto 15 Agosto 11 Agosto 08 Agosto 03 Agosto 01 Agosto 29 Julho 27 Julho 18 Julho 15 Julho 13 Julho 11 Julho 08 Julho 06 Julho 04 Julho 01Julho 29 Junho 27 Junho 22 Junho 20 Junho 17 Junho 15 Junho 10 Junho 06 Junho 03 Junho 30 Maio 27 Maio 25 Maio 23 Maio 13 Maio 11 Maio 09 Maio 06 Maio 04Maio 02 Maio 29Abril 27Abril 25Abril 22Abril 20Abril 18Abril 15Abril 13Abril 11Abril 08Abril 06Abril 04Abril 01Abril 30Março 28Março 23 Março 21 Março 18 Março 16 março 14 Março 11 Março 09 Março 07 Março 04 Março 02 Março 29 Fevereiro 26 Fevereiro 24 Fevereiro 22 Fevereiro 19 Fevereiro 17 Fevereiro 15 Fevereiro 12 Fevereiro 05 Fevereiro 01 Fevereiro 29 Janeiro 27 Janeiro 25 Janeiro 22 Janeiro 20 Janeiro 18 Janeiro 15 Janeiro 13 Janeiro 11 Janeiro 08 Janeiro 21 | Dezembro 18 | Dezembro 16 | Dezembro 14 | Dezembro 11 | Dezembro 09 | Dezembro 07 | Dezembro 02 | Dezembro 26 | Novembro 11 | Novembro 11 | Novembro 06 Janeiro 04 Janeiro 03 Fevereiro 28 Set