BLOG CONTEÚDO



Você é um depreciador?

A convivência com pessoas no entorno familiar, social ou laboral nem sempre é fácil, especialmente se marcada por comportamentos tóxicos. Descubra a seguir o que caracteriza um depreciador.

Você não precisa ter vivido muitos anos para saber que há pessoas que têm um efeito nocivo sobre as demais. Nem sempre se trata de um comportamento intencionado, porém é como se uma onda de negatividade invadisse o ambiente. Se ainda não aconteceu diretamente com você, seguramente já vivenciou por tabela a experiência de algum amigo ou familiar.

Um dos casos mais comuns é a pessoa que sempre adota uma atitude depreciadora, manifestando desprezo ao interagir com os demais. Soa forte, mas em tempos de individualismo exacerbado e falta de empatia, tem se tornado cada vez mais habitual se deparar com alguém altamente depreciador.

Como reconhecê-los? Um dos primeiros sinais é marcado por seu olhar com ar de superioridade, detalhista, que analisa todos os aspectos da pessoa, sua roupa, seus acessórios, sua postura; porém sempre trasladando frieza e rechaço. Também mantém esse comportamento diante das coisas e novas experiências.

Sua atitude materializa desprezo e aversão e por trás de uma personalidade imponente, com ar de superioridade, pode-se esconder uma personalidade frágil. De maneira inconsciente, busca meticulosamente aspectos naqueles que o rodeiam para constrangê-los ou feri-los emocionalmente, se mantendo em uma posição de poder, de superioridade e descviando a atenção para possíveis conteúdos que deseja ocultar em si próprio. 

Especialistas explicam que esse tipo de atitude diante da vida e de tudo que a envolve tem suas origens ainda na infância, pois é entre os 6 e os 12 anos que as atitudes de aversão e rechaço se consolidam. Daí a importância de transmitir os valores do respeito e da tolerância durante o desenvolvimento infantil, para que funcionem como barreiras para o assédio e outros tipos de violência.

Os tipos de desprezo

O desprezo pode se desdobrar em manifestações distintas, e nem todas elas são negativas. A postura descrita anteriormente é a de um caso clássico de desprezo disfuncional, que costuma coincidir com personalidades narcisistas, ou seja, aquelas pessoas que acreditam ser sempre mais: mais éticas, mais competentes, mais capacitadas, enfim, superiores.

Um outro tipo de desprezo seria o sentimento de repulsa que uma pessoa pode sentir quando não está alinhado com os valores morais que uma pessoa ou situação representa.Também há o desprezo defensivo, que costuma ser uma emoção que surge para acelerar a fuga de situações potencialmente prejudiciais, quando por exemplo se detecta uma tentativa de manipulação.

É fundamental conhecer o que está por trás delas, tanto para avançar no desenvolvimento pessoal, caso você se reconhece como depreciador, como para se proteger, se você é vítima de uma pessoa assim.

Como se defender de um depreciador?

A convivência reiterada com uma pessoa assim pode provocar um sentimento de inadequação, algo que afeta negativamente a autoconfiança e a autoestima. Daí a importância de saber se proteger. Comece por:

1. entender que, por trás dessa postura de superioridade, sempre se esconde a insegurança;

2. manter-se firme diante do escrutínio, mas sem perder a paciência ou partir para a agressividade;

3. usar o humor como contraponto à atitude de desprezo;

4. desestabilizar o depreciador com perguntas como: O que te leva a dizer isso? Por que está com essa cara de desaprovação?

5. treinar sua capacidade de autocontrole para não demonstrar afetação e não contra-atacar.

Vale ressaltar que uma relação depende da combinação de duas personalidades para que funcione. Logo, alguém com este pergil, busca se aproximar de pessoas frágeis e com baixa baixa autoestima, para que desta forma sinta-se capaz de manipulá-la e manter-se em segurança na posição que ocupa. A maneira mais eficaz de não se tornar alvo de pessoas assim é através de sua segurança e autoestima. Se você sente que possui questões mal resolvidas e que de alguma maneira pessoas como a do perfil que mencionamos se repete em sua vida, não deixe de procurar ajuda de um psicólogo para que através do processo de autoconhecimento se torne possível o resgate e o fortalecimento da sua autoestima.

POSTS RECENTES

16 Maio 09 Maio 02 Maio 25 Abril 18 Abril 11 Abril 11 Abril 04 Abril 28 Março 21 Março 14 Março 07 Março 28 Fevereiro 21 Fevereiro 14 Fevereiro 11 Fevereiro 07 Fevereiro 31 Janeiro 28 Janeiro 24 Janeiro 17 Janeiro 10 Janeiro 03 Janeiro 27 Dezembro 20 Dezembro 13 Dezembro 06 Dezembro 29 Novembro 22 Novembro 15 Novembro 08 Novembro 25 Outubro 18 Outubro 11 Outubro 04 Outubro 27 Setembro 18 Setembro 06 Setembro 30 Agosto 23 Agosto 16 Agosto 09 Agosto 02 Agosto 30 Julho 26 Julho 19 Julho 12 Julho 05 Julho 28 Junho 21 Junho 14 Junho 07 Junho 31 Maio 24 Maio 17 Maio 10 Maio 03 Maio 26 Abril 19 Abril 12 Abril 05 Abril 03 Abril 27 Março 20 Março 19 Março 13 Março 06 Março 27 Fevereiro 22 Fevereiro 20 Fevereiro 13 Fevereiro 06 Fevereiro 30 Janeiro 23Jan 16Jan 09Jan 02Jan 26Dez 19Dez 12Dez 05Dez 28Nov 21Nov 14Nov 07Nov 31Out 24Out 17Out 10Out 03Out 26Set 19Set 29Ago 24Ago 22Ago 15Ago 08Ago 01Ago 25Jul 18Jul 11Jul 29Jun 22Jun 15Jun 06Jun 30Mai 23Mai 16Mai 09Mai 02Mai 25 Abr 18 Abr 11Abr 04 Abr 28 Mar 16 Mar 09 Mar 02 Mar 23 Fev 23 Fev 16 Fev 10 Fev 08 Fev 02 Fev 31 Jan 24 Jan 20 Jan 17 Jan 13 Jan 03 Jan 27 Dez 21 Dez 19 Dez 16 Dez 13 Dez 07 Dez 28 Nov 23 Nov 21 Nov 08 Nov 04 Nov 31 Out 27 Out 24 Out 20 Out 17 Out 11 Set 05 Set 30 Set 26 Set 19 S 14 Set 12 Set 05 Set 02 Setembro 03 Agos29 26 Agosto 24 Agosto 22 Agosto 19 Agosto 17 Agosto 15 Agosto 11 Agosto 08 Agosto 03 Agosto 01 Agosto 29 Julho 27 Julho 18 Julho 15 Julho 13 Julho 11 Julho 08 Julho 06 Julho 04 Julho 01Julho 29 Junho 27 Junho 22 Junho 20 Junho 17 Junho 15 Junho 10 Junho 06 Junho 03 Junho 30 Maio 27 Maio 25 Maio 23 Maio 13 Maio 11 Maio 09 Maio 06 Maio 04Maio 02 Maio 29Abril 27Abril 25Abril 22Abril 20Abril 18Abril 15Abril 13Abril 11Abril 08Abril 06Abril 04Abril 01Abril 30Março 28Março 23 Março 21 Março 18 Março 16 março 14 Março 11 Março 09 Março 07 Março 04 Março 02 Março 29 Fevereiro 26 Fevereiro 24 Fevereiro 22 Fevereiro 19 Fevereiro 17 Fevereiro 15 Fevereiro 12 Fevereiro 05 Fevereiro 01 Fevereiro 29 Janeiro 27 Janeiro 25 Janeiro 22 Janeiro 20 Janeiro 18 Janeiro 15 Janeiro 13 Janeiro 11 Janeiro 08 Janeiro 21 | Dezembro 18 | Dezembro 16 | Dezembro 14 | Dezembro 11 | Dezembro 09 | Dezembro 07 | Dezembro 02 | Dezembro 26 | Novembro 11 | Novembro 11 | Novembro 06 Janeiro 04 Janeiro 03 Fevereiro 28 Set